Os estudantes que optam por escolas credenciadas junto ao  New Zealand Qualifications Authority (NZQA) têm garantidos entre outras coisas, cuidados na seleção das famílias hospedeiras, atendimento às suas necessidades e transparência nas comunicações, pois o Código de Prática do Bem-Estar do Estudante Internacional é obrigatoriamente seguido por todos os estabelecimentos de ensino que recebem estudantes estrangeiros.

Os diplomas e certificados emitidos pelas instituições de ensino são reconhecidos mundialmente.

NOVA ZELÂNDIA E O FUTURO

Conforme divulgado pelo boletim International Education News de 11/10/17 dois relatórios apontam a Nova Zelândia como um dos países que tem como prioridade  preparar os estudantes para o futuro.

O Worldwide Educating for the Future Index publicado pelo The Economist Intelligence Unit classificou a Nova Zelândia em primeiro lugar dentre as 35 economias que preparam seus estudantes para o futuro.

O enfoque desse relatório era verificar o quanto cada país preparou seus estudantes numa época de tão rápidas mudanças.  Há uma necessidade crescente de os estudantes saberem como aprender  mais que recapitular conhecimento.   A classificação da Nova Zelândia se deveu à estreita colaboração entre a universidade e a indústria, ao foco nas habilidades que serão exigidas no futuro e à alta qualidade do corpo docente.

O segundo relatório The World Economics Forum’s Global Human Capital  coloca a Nova Zelândia em sétimo lugar dentre 130 países . Segundo esse relatório a maneira pela qual as nações desenvolvem seu capital humano pode ser o fator preponderante de seu sucesso a longo prazo.