EXCEÇÃO DE FRONTEIRA CONCEDIDA PELO GOVERNO DA NOVA ZELÂNDIA A ESTUDANTES INTERNACIONAIS

Agora em janeiro mais 1000 alunos de nível de bacharelado (ou superior) serão autorizados excepcionalmente a retornar para concluir seus estudos na Nova Zelândia. É o segundo grupo a receber essa autorização.

(foto cedida pela Education New Zealand)

Em outubro passado o Ministério da Educação da Nova Zelândia, com apoio da Education New Zealand (ENZ)* autorizou, como medida de exceção(exceção de fronteira) , a entrada de 250 estudantes internacionais para retomarem os seus cursos de (doutorado e mestrado com o objetivo de  continuar a desenvolver suas pesquisas acadêmicas. Os estudantes selecionados tiveram suas pesquisas interrompidas por conta da pandemia de Covid-19, e não houve a possibilidade de concluírem seus estudos de maneira virtual devido à natureza prática dos trabalhos.

Esse grupo já se encontra em processo de confirmação de visto antes de retornar à Nova Zelândia.

Para serem elegíveis, os alunos desse segundo grupo devem possuir ou ter tido um visto válido para estudar em 2020, ter estudado na Nova Zelândia em 2019 ou 2020 e deverão retornar ao país para concluir seus estudos com sua instituição de ensino atual.

Assim como no grupo de outubro, os provedores de ensino superior serão responsáveis pelos processos para identificar e selecionar os alunos, de acordo com o perfil permitido para regresso ao país, e contarão com suporte da ENZ e do Ministério da Educação.

Os alunos qualificados serão matriculados em uma variedade de instituições de ensino de nível superior, incluindo universidades, politécnicas / institutos de tecnologia, wānanga e estabelecimentos de treinamento privados e retornarão à Nova Zelândia em diferentes fases para gerenciar a demanda nas instalações de MIQ (Managed Isolation and Quarantine), pois terão que ser submetidos a uma quarentena de 14 dias.

Fonte: Education New Zealand, São Paulo, Brazil.
Para maiores informações consultar Bruna de Natale, Market Development Manager Education New Zealand.
E-mail: Bruna.deNatale@enz.govt.nz
*ENZ – Education New Zealand, agência do governo neozelandês para a educação.

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *